Kayserburg: tradição alemã com espírito oriental

Kayserburg: tradição alemã com espírito oriental

Quando se junta a perícia e precisão alemãs com a filosofia oriental, o resultado só pode ser um piano que ultrapassa os cânones clássicos para atingir um novo patamar de desenvolvimento tecnológico na construção e qualidade acústica.

Os pianos Kaysenburg, fabricados pela Pearl River, a maior empresa de construção de pianos da China, combinam em cada modelo a tradição europeia com técnicas de fabrico computorizadas de última geração, na busca tanto da excelência como da inovação. E se a automatização é importante no fabrico dos componentes, a sua montagem é feita por artesãos experientes, que emprestam à produção dinâmica de cada elemento a paciência e a sabedoria necessárias para fazer um instrumento com alma.

A Pearl River tem-se afirmado como uma marca de referência internacional. Nascida nas margens do Rio das Pérolas - de onde tirou o nome - em Guanzhou, sul da China, na década de 50 de século passado, começou por fabricar 4 pianos por mês. Hoje em dia, exporta para mais de 100 países e é a marca que se mais vende no mundo. Os seus pianos conquistaram palcos internacionais e o reconhecimento de pianistas de classe mundial.

Para criar um produto de excelência, a Pearl River contratou alguns dos melhores técnicos e especialistas de todo o mundo, e adquiriu a marca alemã centenária Kayserburg.

Os materiais usados no fabrico dos pianos Kayserburg são de alta qualidade. As madeiras usadas na caixa destes pianos garantem resistência estrutural, assim como a altíssima qualidade do seu tampo harmónico em espruce permitem definição, clareza e uma excelente qualidade e projeção do som.

O volume de som consistente que estes pianos produzem torna-os aptos tanto para pequenos espaços como para grandes palcos. No seu interior, as cravelhas estão assentes em blocos de madeira laminada, para garantir a maior resistência e a integridade das cordas, de fabrico alemão.

Desde as teclas aos pedais, todos os componentes são pensados de forma a potenciar a precisão e a expressão. Os martelos são produzidos pela Renner, o mais conceituado fabricante de componentes para piano, com sede em Estugarda na Alemanha, que proporcionam um timbre rico e límpido. O peso de cada tecla é ajustado de forma independente para manter o equilíbrio e uniformidade e proporcionar um toque confortável e natural.

O resultado é um instrumento moderno, mas fiel à tradição e qualidade exigidas pelos melhores pianistas.

Como um piano é mais do que a soma das suas partes, passem pelo Salão Musical e coloquem a acção do Kayserburg KAM2 à prova, um piano vertical que surpreende o mais exigente dos intérpretes.

Publicado no dia 2017-02-05 por Salão Musical de Lisboa Pianos 0 273

Deixar um comentárioDeixar uma resposta

Tem que ter a sessão iniciada para poder comentar este artigo.

Procurar no blog

Categorias do blog

Sem produtos

A ser calculado Portes de envio
0,00€ IVA
0,00€ Total

O preço incluí IVA

Pagar