Como dar concertos online

Como dar concertos online

Uma das novidades deste ano foi a generalização das transmissões online de concertos caseiros. A tecnologia já existia, faltavam apenas as circunstâncias para que explodisse como uma prática comum. 

A melhor parte é que todos podemos fazer da nossa sala de estar um palco e partilhar música com o mundo via livestream, através do Facebook, YouTube ou Twitch. Venham descobrir o que é que precisam para começar a dar música ao mundo em direto, ao vivo e a cores, a partir do conforto do lar.

Material básico

Se já montaram o vosso estúdio caseiro, estão quase lá. Mas vamos por partes. Esta é lista de itens essenciais para poderem começar a preparar as vossas transmissões em direto pela internet:

  • PC - com boa capacidade de memória, para poder gerir os vários programas e sistemas de áudio e vídeo, dependendo da complexidade do vosso setup. 

  • Câmera - podem usar uma webcam, como a que vem integrada no vosso portátil ou uma externa. Podem até usar uma máquina fotográfica DSLR mas aí já vão precisar de mais software e cabos. Mas o importante é que tenham uma forma de captar a imagem. 

  • Ligação estável de Internet - isto é extremamente importante. Precisam de uma ligação à rede com uma velocidade de upload decente para poderem transmitir a vossa música sem cortes. Os especialistas recomendam uma velocidade mínima de 3 mbps (megabytes por segundo) mas é mais complicado do que isso. De qualquer forma, é um bom número para servir de referência quando fizerem o vosso teste de velocidade de ligação.

  • Placa de áudio externa ou mesa de mistura USB - para transmitir o sinal dos vossos instrumentos para o computador com qualidade, através de uma ligação direta ou por captação por microfone, precisam de um interface capaz de pegar no sinal áudio e transformá-lo num sinal digital.  

Uma placa de áudio como a Roland Rubix 22 permite ligar um microfone e um instrumento, ou dois microfones / dois instrumento e enviar o áudio para o vosso PC.

Outra opção é uma mesa de mistura com ligação USB, como a Yamaha MG10XU, com 10 canais para ligarem vários instrumentos e microfones e ligar via USB ao computador. A vantagem é que podem fazer uma mistura base a partir da mesa e enviar já um sinal final para a transmissão.

  • Luzes - 90% do segredo para uma imagem de qualidade é iluminação. Não é por acaso que existe uma categoria nos Óscares para Melhor Direção de Fotografia. Não é preciso comprar equipamento de iluminação profissional, até podem só usar luz natural ou a dos candeeiros lá da sala, mas pesquisem sobre o assunto para criar o ambiente que pretendem e ter uma imagem com boa qualidade.  

Este vídeo resume bem o que dissemos até agora e começa a entrar já na secção seguinte.

Live stream

Até agora temos tudo o que é necessário para a captação do vosso concerto. A seguir vamos tratar da parte da transmissão.

Com os sinais áudio e vídeo a entrar num computador ligado à Internet, precisamos de um programa que os junte e prepare para os transmitir para uma plataforma de transmissão. Parece complicado mas não é. 

Existem vários programas para poderem fazer livestream para plataformas como o YouTube, Facebook ou Twitch, mas os mais populares são os seguintes:

- OBS Studio

- Streamlabs OBS

- XSplit

São gratuitos, cheios de funcionalidades e começaram por servir para para transmitir jogos de computador e hoje em dia servem para transmitir podcasts, sets de DJ, aulas e concertos. 

Aqui entre nós, o nosso favorito é o Streamlabs OBS, porque é mais intuitivo, é muito funcional e simples de usar. De qualquer forma, há imensos tutoriais bastante recentes sobre como usar estas plataformas para transmitir as vossas performances musicais.

Uma das grandes vantagens em usar este sistema (e uma das grandes dores de cabeça) é  a possibilidade em usar o som do vosso editor de áudio (DAW) e dos efeitos que querem aplicar (amplificadores virtuais, instrumentos midi, sequenciadores digitais) como parte integrante do som final. Há várias forma de o fazer e o vídeo seguinte apresenta algumas delas. 

Agora que têm o vosso estúdio virtual a funcionar, precisam de um canal para poderem difundir a vossa atuação.

O ideal será escolherem uma plataforma onde já tenham muitos seguidores, mas podem escolher uma que vos dê vantagens como receber donativos, por exemplo. 

As plataformas que estão a ser mais usadas são:

  • Facebook Live -  o Facebook melhorou o seu serviço de transmissões em direto com uma área a que chamaram de Producer, à qual podem aceder criando um novo post, clicando no botão com reticências para abrir mais opções e depois escolhendo Live Video. 


Isto abre uma página onde poderão configurar a vossa transmissão. Este vídeo mostra como usar a stream key para conectar o Facebook Live ao OBS (neste caso é o Studio mas é igual para o Streamlab). O stream key é como irão ligar algumas das plataformas ao vosso estúdio virtual, pelo que vale a pena verem como se faz.

  • YouTube Live -  O YouTube é só a maior plataforma de vídeo do planeta, o que faz dele uma ótima opção para transmitir os vossos concertos. Primeiro, têm que ir para a área de configuração do stream, clicando no ícone de uma câmera com um “+” em cima, que está discretamente colocado no canto superior direito da página inicial do Youtube. Ou então podem usar o link que partilhámos no início do parágrafo. 

A Google também decidiu fazer uma renovação a esta área, sendo muito semelhante ao Facebook Live. Podem usar também uma stream key para ligar o vosso estúdio virtual ou começar a transmitir imediatamente. Basta escolher as fontes de vídeo e áudio.

  • Twitch - a grande plataforma de streaming de jogos transformou-se também numa plataforma para músicos e DJs transmitirem as suas actuações. É uma opção com vantagens muito interessantes e que se está a abrir a esta nova realidade. 

Por acaso não falámos de Djs, mas se gostam de passar música podem usar um controlador como o Roland DJ-202 e fazer os vossos fãs dançar pela internet.

O Instagram Live e o Periscope são duas outras possibilidades para quem prefere redes sociais mais diretas, como o Twitter ou o Instagram. É  que a vossa transmissão em direto para a Internet pode ser só um smartphone, vocês e um ukulele. Depende do que querem fazer, com quantas pessoas e instrumentos. O que recomendamos é que comecem num formato simples e, depois de dominadas as contingências técnicas, usem a imaginação.

Entretanto, ficamos à espera dos vossos concertos pela net e pelas vossas encomendas. Visitem a nossa loja online, temos instrumentos muito vistosos para poderem dar nas vistas no palco da vossa sala.

Publicado no dia 2020-07-28 por Salão Musical de Lisboa Atualidade 0 258

Deixar um comentárioDeixar uma resposta

Tem que ter a sessão iniciada para poder comentar este artigo.

Procurar no blog

Categorias do blog

Sem produtos

A ser calculado Portes de envio
0,00€ IVA
0,00€ Total

O preço incluí IVA

Pagar