Para que servem os botões de uma mesa de mistura?

Para que servem os botões de uma mesa de mistura?

Usar uma mesa de mistura não é tão complicado como parece. Cada elemento tem uma função específica e todas as mesas têm uma lógica semelhante. Vamos ver de uma forma rápida e simples a função de cada um dos botões, cursores, entradas e saídas que fazem parte deste equipamento essencial para a atividade musical.

Sumário

O que é uma mesa de mistura?

Anatomia básica da mesa de mistura

Entradas e saídas

O que é um canal de mesa de mistura

Trim / Gain

Volume / Level

Pan / Bal

EQ

FX / Send

Solo

On / Mute

Phantom power

Volumes de saída / Outputs

Como usar a mesa de mistura

Notas finais

O que é uma mesa de mistura?

Uma mesa de mistura é um dispositivo que recebe, amplifica, trata e envia um sinal áudio para um conjunto de colunas. Cada sinal áudio é tratado em canais individuais para depois ser misturado com os outros - recorrendo à equalização, ajustando os volumes e as panorâmicas - obtendo um som equilibrado e coeso.

Ao vivo, a mesa de mistura serve tanto para criar um som de conjunto para ser ouvido pelo público, como para criar o som de palco, de forma a que os músicos se ouçam entre si.

Em estúdio, as mesas de mistura servem também para tratar do áudio canal a canal, mas o destino do som não são as colunas de uma sala de espetáculos mas um dispositivo de gravação. É por isso que as consolas de estúdio são mais complexas, com mais ligações externas e paralelas para efeitos.

Basicamente, o que a mesa de mistura faz é ajustar a presença e a qualidade dos vários sinais áudio de cada canal para que saiam como um conjunto equilibrado, seja em contexto musical ou em apresentações. Um convidado de um debate ao vivo não se deve ouvir demasiado ou mal relativamente aos outros, independentemente da sua capacidade vocal; a bateria não pode abafar o vocalista ou as guitarras.

A mesa de mistura permite controlar os vários elementos sonoros para que soem como um todo.

Anatomia básica da mesa de mistura

A lógica de uma mesa de mistura é muito simples:

  • o sinal áudio tem uma entrada;
  • essa entrada está ligada a um canal, com vários parâmetros para ajustar a qualidade do sinal;
  • O sinal desse canal é depois enviado para várias saídas, onde está misturado com os sinais dos outros canais, caso haja mais do que um;

Entradas e saídas

No topo de cada canal ou na parte de trás da mesa temos o Line IN, ou seja, a entrada do cabo que vem do instrumento, microfone ou outra origem sonora. Podem ser entradas de jack ou XLR, balanceadas ou mono.

O sinal, depois de tratado, sai para Phones (auscultadores), Ctrl Room (monição), saídas Auxiliares, e Main Out / Master (sinal misturado final).

Cada uma destas saídas costuma ter um controle de volume dedicado, que não afeta o volume das outras.

Algumas mesas têm entradas e saídas RCA para ligar equipamentos auxiliares, desde colunas de monitorização extra a leitores de áudio.

As mesas mais modernas podem ser ligadas via USB a um computador e servem também como interface áudio.

 

Interface Audio Vs Mesa de Mistura - Blog Instrumentos musicais

 

O que é um canal de mesa de mistura

Canal de mesa de misturaUm canal na mesa de mistura é fácil de identificar: está organizado verticalmente, com a entrada de cabo no topo, e com os controles logo abaixo. São numerados para sabermos a que é que estão ligados e muitas vezes vemos autocolantes a indicar claramente o instrumento ou origem do sinal: Canal 1 - Voz, Canal 2 - Guitarra, ou canal 1 - microfone de convidado 1, 2- microfone convidado 2, etc.

O sinal do canal é ajustado individualmente para ser depois enviado para o canal Master / Main Out, que junta os sinais de todos os canais. Ou, em mesas mais avançadas, pode ser ainda atribuído, juntamente com outros canais, a um bus.

Um bus é um canal que recebe o sinal de vários canais, ficando entre eles e o Master, ou sinal de saída. Por exemplo, um bus de bateria pode receber sinais dos vários microfones - do bombo, pratos, timbalões, tarolas, overheads - misturados nos seus canais individuais entre si, mas que são depois todos juntos num só canal. O volume desse canal - o bus - é ajustado relativamente aos outros canais ou busses de instrumentos.

Todas as mesas de mistura apresentam basicamente os mesmos elementos e controlos em cada canal.

Trim / Gain

O Trim ou Gain é um botão que permite dar mais força (ganho) ao sinal de origem. Se o sinal de um microfone for muito baixo, por exemplo, podemos ajustar o ganho para que tenha uma presença que seja mais fácil de ajustar com os restantes controlos.

Existe por vezes a tentação de o usar como se fosse o controle de volume, mas não é essa a sua função. O ganho ajuda a criar um sinal com uma presença suficiente para depois ser ajustada pelos restantes controlos.

Volume / Level

O volume controla a saída do sinal de cada canal para o Master / Main Out. A combinação dos diversos volumes é o que faz a mistura. É usado relativamente aos outros canais para que cada instrumento tenha uma presença definida na mistura final.

Pode ser um fader / cursor ou um potenciómetro.

Pan / Bal

Se o volume define a presença, o botão de Panorâmica define a posição. Mais à esquerda, mais à direita, ou mesmo no centro. Isto ajuda a que cada instrumento se faça ouvir de forma destacada no conjunto.

Também pode ser designado como Bal ou balance.

EQ

O número de botões de equalização varia de acordo com a complexidade das mesas de mistura, mas cada um corresponde a uma faixa de frequência. Por exemplo, numa mesa muito simples podemos ter Low, que controla a presença das frequências mais graves, Mid para as médias, e High para as mais altas. Normalmente as gamas de frequência estão indicadas ao lado de cada botão.

A equalização permite que, depois de termos ajustado a presença e a posição de cada sinal, este não se sobreponha a outros sinais com frequências semelhantes. Podemos cortar médios num teclado ou guitarra para não ocuparem tanto a mesma frequência da voz, por exemplo. Podemos ajustar os graves para que o som de manipulação de um microfone numa palestra não seja tão notório e intrusivo.

Em caso de dúvida e em situações simples, deixem tudo a meio. Se conseguirem ajustar os volumes de forma que tudo se ouça de forma clara já é meia vitória.

FX / Send

Algumas mesas têm efeitos como delay ou reverb. O botão de FX permite enviar na quantidade desejada o sinal de um para o efeito desejado, que depois é integrado na mistura final. Isto permite criar um sinal com efeitos por canal sem que todos os outros sinais sejam afetados. A voz pode ter reverb, mas as guitarras já não, ou, podem ter só um pouco, de acordo com a quantidade que atribuímos no botão.

O valor geral do efeito pode ser controlado numa secção à parte da mesa de mistura, caso essa função exista.

O Send serve para enviar o sinal para a saída CTRL Room, ou seja, para fazer a mistura para a monição de palco.

Algumas mesas não designam estas funções desta forma mas como AUX. AUX refere-se a uma saída de sinal independente do Master / Main Mix, e que pode ser reintegrada no sinal final através do AUX Return.

mesa de mistura Yamaha mg10 10 canais

Mesas de mistura no Salão Musical

Solo

Não é para carregar durante os solos do guitarrista. O botão Solo isola o sinal desse canal, desligando todos os outros. Assim podemos alternar entre ouvir o sinal individualmente e em conjunto com os outros, rapidamente.

On / Mute

O botão de On, se estiver aceso, é porque o canal está ativo. Se estiver desligado, não transmite som.

Pode haver ainda um botão de Mute, que liga ou desliga o canal. É muito útil em conferências quando, por exemplo, o microfone para as perguntas do público é passado de mão em mão. Assim pode ser ativado apenas quando é feita a intervenção.

Vejam uma explicação rápida dos vários elementos de um canal de uma mesa de mistura, como estão organizados e para que servem. Toda a série vale a pena.

Phantom power

O botão de phantom power ativa ou desativa a alimentação de energia para microfones que necessitam dela, como os microfones de condensador.

Volumes de saída / Outputs

Estes controlam a quantidade de som que sai para cada uma das saídas disponíveis na mesa: line out, auscultadores, CTRL room e para o Main Mix/ Master ou mistura final.

Têm dúvidas sobre algum dos itens? Vejam este vídeo que explica cada um destes elementos e ainda mais alguns que não falámos aqui.

Como usar a mesa de mistura

Agora que conhecemos os diversos elementos que compõem uma mesa de mistura, a questão agora será como usá-los. Algumas dicas rápidas:

  • evitar colocar o volume final demasiado alto;
  • saber o que pertence a cada canal e a função de cada um no resultado final;
  • usem os ouvidos, a vossa percepção do som final é melhor do que a percepção de quem está do lado do palco;
  • se houver um problema, procurem a solução mais simples: o canal está ligado, o volume do instrumento está levantado (tanto na fonte como na mesa), estão a operar o canal certo?

Não são indicações técnicas, mas é para dar a ideia que antes de trabalharem com uma mesa de mistura devem saber o que cada componente faz, para que efeito, e qual a lógica de funcionamento do equipamento. Assim não perdem tempo e podem fazer uma mistura com mais qualidade.

Se procuram um guia mais prático sobre como usar uma mesa de mistura vejam este vídeo.

Notas finais

De uma forma resumida, estes são os elementos fundamentais que podemos encontrar na maioria das mesas de mistura. O elemento mais importante será um externo, que é o engenheiro de som. É ele o responsável por uma atuação memorável ou uma para esquecer. Mas, se não tiverem um, agora já sabem para que serve cada um dos botões da mesa de mistura e podem se aventurar nas funções.

O importante é criar um equilíbrio entre as várias fontes sonoras, sem complicar. Se o cenário for complexo, como um concerto com vários tipos de instrumentos, contratem um profissional. Um bom engenheiro de som é tão importante como qualquer um dos elementos da banda.

E uma mesa de mistura é também tão importante como qualquer um dos vossos instrumentos. No Salão Musical temos mesas de mistura e outros equipamentos de amplificação que irão dar mais qualidade ao vosso som.

Visitem a nossa loja online e descubram o equipamento que termos para se fazerem ouvir melhor.

Publicado no dia 2022-08-25 por Salão Musical de Lisboa 0 247

Deixar um comentárioDeixar uma resposta

Tem que ter a sessão iniciada para poder comentar este artigo.

Sem produtos

A ser calculado Portes de envio
0,00€ IVA
0,00€ Total

O preço incluí IVA

Pagar