Instrumentos de assinatura: ukuleles, guitarras e percussão

Instrumentos de assinatura: ukuleles, guitarras e percussão

As marcas de instrumentos musicais gostam de homenagear músicos pela sua popularidade ou como reconhecimento do seu talento, criando instrumentos seguindo as suas especificações e gostos.

No Salão Musical temos instrumentos de assinatura de músicos muito populares, desenhados ao seu gosto, para que possam soar como eles. Vamos conhecê-los.

Sumário

Grace VanderWaal

Dhani Harrison

Rui Veloso

Steve Vai

Steve Gadd

Pedrito Martinez

Tito Puente

Grace VanderWaal

Nascida em 2004, Grace é uma artista que representa bem a sua geração. O seu caminho para o sucesso começou no YouTube, a cantar e a tocar músicas dos seus artistas favoritos ao ukulele. O facto de ter crescido numa cidade pequena, longe do mundo do espetáculo a impediu de se tornar famosa. Rapidamente ganhou uma legião de fãs e a Fender, sempre atenta aos novos artistas desde 1960, decidiu produzir um ukulele com o seu nome.

Destinado a inspirar as futuras estrelas da música, o ukulele soprano Fender Grace VanderWaal Moonlight reflete o estilo “Boho Chic” de Grace, com um elegante acabamento acetinado em azul marinho, uma roseta de brilho dourado e ferragens douradas. Na cabeça tem um motivo floral inspirado na arte do álbum de estreia, “Just The Beginning'' e, por trás, a assinatura de Grace, decorada com um coração.

ukulele soprano Fender Grace VanderWaal Moonlight

Ukulele Soprano Fender Grace Vanderwaal Signature Moonlight Navy Blue

Se não conhecem o talento de Grace VanderWaal e porque é que cativa tanta gente, vejam este pequeno vídeo de apresentação.

Dhani Harrison

Se Grace VanderWaal cresceu numa cidade pequena longe do mundo do espetáculo, Dhani Harrison cresceu como filho de um dos membros da banda mais famosa do mundo: o pai de Dhani era George Harrison, dos Beatles.

Como o pai, Dhani sempre foi um apaixonado do ukulele, e tem a sua própria carreira musical, tendo colaborado com os Wu-Tang Clan, um dos grupos lendários do hip-hop, e Jeff Lynne, dos Electric Light Orchestra, entre outros.

Dhani Harrison desenhou em conjunto com a Fender um ukulele semiacústico indicado para concertos em grandes palcos. Com uma profundidade de ¾ das dimensões padrão de um ukulele tenor, Fender Dhani Harrison Signature não tem problemas de excesso de graves e feedback. A eletrónica foi especialmente criada para potenciar o som natural e tradicional do ukulele.

Ukulele tenor Fender Dhani Harrison Signature

Fender Dhani Harrison Signature

Descubram as qualidades deste ukulele pelas próprias palavras de Dhani Harrison.

Também existe a versão em Sapphire Blue.

Rui Veloso

Rui Veloso dispensa apresentações, mas se não sabem porque é que é tão importante para ter não uma, mas duas guitarras com o seu nome, devem ler este artigo.

Para celebrar os seus 40 anos da sua carreira, Rui Veloso colaborou com a Walden para criar uma guitarra eletroacústica de grande qualidade. Fizeram duas: a Walden G570RCERVW, com um preço mais acessível, e a Walden G1051RCERV40H.

O modelo G570RCERVW oferece uma excelente relação preço/qualidade graças à cuidadosa seleção dos materiais. O tampo em cedro vermelho ocidental maciço que oferece um volume elevado e clara definição de som e fundo e ilhargas em mogno. O pré-amplificador é um Walden Active, com EQ e afinador incorporados.

Walden G570RCERVW Rui Veloso 40 Anos

Walden G570RCERVW Rui Veloso 40 Anos

A G1051RCERV40H é uma edição limitada de 40 guitarras, revistas pelo Luthier Filipe Brandão. Construída de acordo com especificações determinadas pelo próprio Rui Veloso, este modelo tem tampo, fundo e ilhargas em mogno flamejado maciço, escala em ébano Macassar, braço reforçado e um poderoso pré amplificador Fishman Matrix Infinity.

Walden G1051RCERV40H Rui Veloso 40 Anos Edição Limitada

Walden G1051RCERV40H Rui Veloso 40 Anos Edição Limitada

Vejam Rui Veloso a falar da “sua” nova guitarra.

Steve Vai

Outro guitarrista que dispensa apresentações é Steve Vai. Este virtuoso da guitarra tem uma carreira de mais de 40 anos e, desde os anos 80 que é um artista Ibanez. São várias as guitarras feitas a partir das suas especificações mas esta é uma das mais populares.

A Ibanez Steve Vai JEMJR é uma guitarra elétrica de preço acessível e cheia de estilo. É a versão mais acessível do modelo topo de gama, de formato Superstrat, design arrojado e som muito versátil, para guitarristas que tocam diversos estilos musicais, sempre com o máximo empenho técnico e musical.

Ibanez Steve Vai JEMJR

Ibanez Steve Vai JEMJR White

Neste vídeo, Steve Vai explica como surgiu a colaboração com a marca japonesa, as origens da Jem e o que os seus modelos têm de diferente.

Steve Gadd

Se ouvem música, então já ouviram Steve Gadd. Gadd é um dos mais populares bateristas de estúdio dos últimos 50 anos, tendo gravado e tocado com os Steely Dan, Paul Simon, Paul McCartney, Michael Brecker, Chick Corea, Lee Ritenour, Paul Desmond, Kate Bush, Chet Baker, Al Di Meola, Chuck Mangione, Kenny Loggins, Eric Clapton, só para falar dos mais conhecidos.

Steve Gadd parece um atleta de alta competição, pois é patrocinado por diversas marcas da indústria musical. Uma delas é a Vic Firth, que lhe fez estas baquetas de assinatura feitas em carya (hickory) e com ponta de madeira. São perfeitas para tocar com velocidade e precisão e dão um som quente nos pratos.

Par de Baquetas Vic Firth VF-SG Steve Gadd

Par de Baquetas Vic Firth VF-SG Steve Gadd

Rick Beato fez um vídeo sobre o solo de bateria que mudou a música pop, tocado por Steve Gadd.

Pedrito Martinez

Pedrito Martinez é um percussionista cubano de grande nível e um artista multifacetado: é também baterista, cantor, dançarino, bandleader, compositor, compositor e educador. Nascido e criado em Cuba foi nas ruas de Havana que aprendeu a tocar batá, conga, cajón, timbale, bongô, entre outros instrumentos de percussão.

Em 1988 mudou-se para os Estados Unidos onde tocou com Paquito D'Rivera, Arturo O'Farrill, Brian Lynch e Bruce Springsteen. Tem a sua própria banda, e já foi nomeado para um Grammy. A Latin Percussion escolheu-o para dar nome a uma série de instrumentos de percussão, sendo um deles este cajón muito original, em forma de barril.

Cajon LP Pedrito Martinez

Cajon LP Pedrito Martinez

Vejam Pedrito Martinez a demonstrar as possibilidades sonoras de um cajón desta série.

Tito Puente

O legado musical de Tito Puente é imenso e incontornável. Quando pensamos em ritmos afro cubanos, é Tito Puente que está nos timbales. De criança hiperactiva que tocava em tachos e panelas, Puente cresceu para se tornar no "Rey del timbal" e "Rei do mambo". Como líder de banda, compositor, arranjador e percussionista, gravou mais de 100 álbuns, publicou mais de 400 composições, e ganhou cinco Grammy Awards. É uma das grandes lendas da música do século XX.

A Latin Percussion honrou Tito Puente com uma série de instrumentos que respeitam a qualidade da sua música e o seu virtuosismo.

Timbalitos LP LP272B Tito Puente

Timbalitos LP LP272B Tito Puente

Um dos seus grandes sucessos foi a canção “Oye como va”.

É com esta assinatura rítmica bem balanceada que vos convidamos a visitar a loja online do Salão Musical. Pode ser que um dia tenhamos um instrumento com o vosso nome.

Publicado no dia 2022-09-29 por Salão Musical de Lisboa Atualidade, Cordas, Percussão 0 324

Deixar um comentárioDeixar uma resposta

Tem que ter a sessão iniciada para poder comentar este artigo.

Sem produtos

A ser calculado Portes de envio
0,00€ IVA
0,00€ Total

O preço incluí IVA

Pagar