Salão Musical de Lisboa Loja de instrumentos musicais desde 1958
Salão Musical de Lisboa Loja de instrumentos musicais desde 1958

Usamos cookies para lhe proporcionar uma melhor experiência. Ao navegar com os cookies ativos consente a sua utilização.

Configuração de cookies

Costumização
  • Cookies de terceiros para fins analíticos.
  • Mostre recomendações personalizadas com base na sua navegação em outros sites.
  • Mostre campanhas personalizadas em outros sites.
Funcional (obrigatório)
  • Necessário para navegar neste site e usar suas funções.
  • Identifique você como um usuário e armazene suas preferências, como idioma e moeda.
  • Personalize sua experiência com base em sua navegação.

Como escolher e comprar cordas para guitarra

Publicado por2023-09-15 por 2014
Guardar

Saibam como escolher e comprar cordas para guitarra elétrica e acústica

Diz-se que quem tem unhas toca guitarra, mas sem cordas não há unha que nos valha. As cordas são um elemento essencial na definição do som da vossa guitarra. Por isso é importante saber que cordas escolher para que soem na perfeição.

Vejam algumas dicas e factores a considerar na hora de escolher e comprar cordas para guitarra.

Como escolher cordas para guitarra

Guitarra

Material

Calibre

Tipos de corda para guitarra

Estilo musical

Afinação

Frequência de uso

Dicas para comprar cordas de guitarra

História das cordas de guitarra

Notas Finais

Como escolher cordas para guitarra

Ao escolher cordas para guitarra, é importante considerar os seguintes fatores:

Guitarra

Antes de olharem para as cordas que têm ao vosso dispôr, pensem na guitarra que têm, que estilo querem tocar, e qual a vossa função.

Uma guitarra clássica não deverá levar cordas de aço pois não estará estruturalmente preparada para isso. Cordas lisas não serão as mais indicadas para tocar metal. Se são solistas, provavelmente deverão usar calibres mais baixos.

Um guitarra elétrica usa cordas de aço, assim como as guitarras folk, as violas de fado e de gypsy jazz. As clássicas e de flamenco usam nylon. O nylon é também o som da guitarra bossa nova

Cada tipo de guitarra está desenhada para usar um ou outro tipo de cordas, para que tenha o seu som característico e um melhor desempenho. Podemos usar outras cordas? Podemos, mas com risco de soar mal ou de danificar o instrumento.

O melhor é usar as cordas indicadas e ajustar o instrumento às cordas que vamos colocar, tendo em conta o calibre e a afinação, já que a tensão das cordas afecta a estabilidade e a intonação da guitarra.

Já agora, vejam quantas cordas a vossa guitarra leva. Há conjuntos de 7 e 8 cordas também.

Jogo
de Cordas Daddario NYXL0980 09 80 para Guitarra Elétrica 8 Cordas

Jogo de Cordas Daddario NYXL0980 09 80 para Guitarra Elétrica 8 Cordas

Como fazer a manutenção da guitarra acústica

Material

Há cordas para guitarra feitas em materiais tão diferentes como aço, bronze, níquel e nylon. Até há com revestimento em ouro. Cada material tem suas próprias características sonoras, e nas cordas de aço a diferença nota-se. Aço e níquel são mais indicados para guitarras elétricas e bronze para as guitarras acústicas.

Bem, há mais tipos de materiais para cordas de guitarra acústica: já falámos de aço, nylon e bronze, mas também há de bronze fósforo, latão, bronze de alumínio, seda e aço e cordas revestidas de polímero.

O melhor é lerem o que vem na embalagem e tirar dúvidas com o vendedor.

Jogo
de Cordas DAddario EJ15 010 para Guitarra Acústica Phosphor Bronze

Jogo de Cordas DAddario EJ15 010 para Guitarra Acústica Phosphor Bronze

Calibre

O calibre indica a espessura das cordas, em polegadas. São aqueles números na embalagem de um conjunto de cordas - .009 ou .011, por exemplo - que indicam a espessura da corda do Mi agudo, e define o calibre do conjunto.

Os calibres de cordas mais comuns são:

- extra super light: .008 .010 .015 .021 .030 .038

- super light: .009 .011 .016 .024 .032 .042

- light: .010 .013 .017 .026 .036 .046

- medium: .011 .015 .018 .026 .036 .050

- heavy: .012 .016 .020 .032 .042 .054

Quanto mais finas, menor o calibre. Quanto mais grossas, maior. Os conjuntos de cordas de menor calibre, são mais maleáveis e fáceis de tocar. Mas, como têm menos massa, produzem menos volume. Como criam menos tensão no braço podem trastejar mais, especialmente numa guitarra mal preparada para as receber.

As cordas de calibre maior são mais grossas e geram uma maior tensão. Por isso, exigem mais força a tocar, mas geram mais volume e sustentação. Para quem toca em afinações mais graves são muito mais estáveis e têm um tom mais grave. Os calibres mais pesados são também indicados para quem toca slide guitar, por exemplo.

Existem ainda conjuntos mistos, que juntam cordas agudas de um calibre mais leve e cordas graves correspondentes a calibres mais pesados. Isto serve para quem usa afinações alternativas ou quer ter apenas um som mais pesado.

No entanto, não se esqueçam de ajustar a guitarra para o calibre desejado.

Cordas de guitarra - uma questão de calibre

Jogo
de Cordas Ernie Ball 2225 Extra Slinky Nickel Wound 008 a 038 para Guitarra
Elétrica

Jogo de Cordas Ernie Ball 2225 Extra Slinky Nickel Wound 008 a 038 para Guitarra Elétrica

Tipos de corda para guitarra

As cordas para guitarra podem ser lisas (flatwound) ou revestidas (roundwound). As cordas lisas têm um som característico, e são usadas principalmente no jazz.

Jogo
de Cordas Thomastik 012 BB 12 Bebop para Guitarra Elétrica Jazz

Jogo de Cordas Thomastik 012 BB 12 Bebop para Guitarra Elétrica Jazz

As roundwound ou revestidas são as de uso mais comum. São as que vos irão vender se não especificarem outro tipo.

Jogo
de Cordas DAddario EXL120 009 042 para Guitarra Elétrica

Jogo de Cordas DAddario EXL120 009 042 para Guitarra Elétrica

Estilo musical

Como vimos, o estilo musical também deve ser considerado na escolha das cordas. Para estilos como metal, blues e rock, cordas mais grossas são, geralmente, as mais indicadas. Especialmente nos estilos mais pesados, que assentam as suas composições em registos graves.

Na pop e no funk, e outros estilos como jazz e folk, as cordas mais finas soam e destacam-se no meio dos outros instrumentos. É uma questão de estética sonora e capacidade musical do instrumentista.

Tocam com palheta ou dedilhado? Ritmo ou solo? Riffs ou melodias? Ouçam o som das bandas que mais gostam e vejam que cordas usam.

ogo
de Cordas Ernie Ball 2626 Not Even Slinky Nickel Wound 012 a 056 para Guitarra
Elétrica

Jogo de Cordas Ernie Ball 2626 Not Even Slinky Nickel Wound 012 a 056 para Guitarra Elétrica

Afinação

A afinação é um elemento fundamental nesta equação. Tocar meio tom abaixo pode ser o suficiente para terem de mudar para um calibre um ponto superior.

Há quem diga que as Stratocaster soam melhor meio tom abaixo com um encordoamento de maior calibre, mas pode ser só porque viram demasiados vídeos do Jimi Hendrix e do Stevie Ray Vaughn.

Se tocam em afinações abertas, ponderem usar encordoamentos mistos, para que os graves se mantenham com uma tensão estável. Isto aplica-se quer a guitarras acústicas quer a guitarras elétricas.

Guia de afinação para instrumentos de cordas

Jogo
de Cordas Elixir 12002 para Guitarra Elétrica Super Light 9 a 42

Jogo de Cordas Elixir 12002 para Guitarra Elétrica Super Light 9 a 42

Frequência de uso

Quantas vezes vão usar as cordas e durante quanto tempo? Não acreditamos no Mark Speer (Khruangbin) que diz que usa as mesmas cordas durante uma digressão inteira, mas, se tocam em casa de vez em quando, não precisam de comprar nem cordas muito caras nem muitos conjuntos de cordas. Tenham apenas mais um de reserva caso se parte uma corda. E sim, troquem as cordas todas se apenas partirem uma.

Se tocarem muito e regularmente, comprem conjuntos em lotes. Cordas frescas para cada concerto permitem ter um melhor som e melhor sensação a tocar. Não apareçam com as cordas todas sujas e com um tom baço. Não é bom para a vossa imagem nem para a vossa música.

Cordas novas mantêm melhor a afinação, e soam melhor.

Cordas de Guitarra: como e quando mudar

Jogo
de Cordas Fender 150M para Guitarra Elétrica Pure Nickel 011

Jogo de Cordas Fender 150M para Guitarra Elétrica Pure Nickel 011

Dicas para comprar cordas de guitarra

Depois de avaliarem as vossas necessidades, podem ir à loja. Aqui estão algumas dicas para comprar as cordas certas para a(s) vossa(s) guitarra(s):

  • Experimentem diferentes marcas e tipos de cordas para encontrar o som que mais gostam, e a sensação que elas vos dão.
  • Falem com luthiers ou outros músicos para conhecerem a experiência deles e obter recomendações.
  • Se estão a começar, escolham cordas de calibre médio.
  • Comprem mais do que um conjunto para terem outro de reserva, pelo menos, por guitarra.
  • Tradicionalmente, guitarras de corpo pequeno usam calibres mais baixos, guitarras com um corpo maior usam calibres mais altos. É uma questão estrutural.

Jogo
de Cordas Hannabach Titanyl E950MHT para Guitarra Clássica Média Alta Tensão

Jogo de Cordas Hannabach Titanyl E950MHT para Guitarra Clássica Média Alta Tensão

História das cordas de guitarra

A História das cordas para guitarra pode impressionar os mais sensíveis. As primeiras cordas para guitarra (e para outros instrumentos de cordas) eram feitas de tripa de animal. Esta foi uma prática comum até ao século XIX, altura em que as cordas de aço começaram a tornar-se populares, já que havia meios e técnicas de as fabricar em massa.

As primeiras cordas de aço para guitarra foram comercializadas em 1900 pela mão de Christian Frederich Martin, um fabricante de guitarras alemão. Martin montou o seu negócio, e, em 20 anos, as guitarras de cordas de aço Martin estavam nas mãos de todos os guitarristas, e a desenvolver os estilos do blues e do jazz e moldando a sonoridade de toda a música moderna.

À medida que a música teve que se tornar mais alta para era tocada para mais pessoas em sítio mais barulhentos, as cordas de aço foram as eleitas para as novas guitarras elétricas que estavam a surgir nos anos 30, definindo o som da guitarra moderna. O resto, como se diz, é História.

Mas nem todas as guitarras beneficiavam desse som, como as guitarras clássicas, mantendo-se as cordas de tripa em uso ainda durante o século XX. .

Foi preciso esperar por 1947, ano em que surgem as primeiras cordas de nylon, pela mão de Albert Augustine, outro emigrante nos Estados Unidos, entusiasta da guitarra e um luthier em ascensão.

Na década de 1940, era difícil encontrar cordas de qualidade. Para além da inconsistência das cordas feitas de materiais orgânicos (geralmente, de tripas de ovelha), estes materiais estavam a ser usados nos campos de batalha da Segunda Guerra Mundial como suturas médicas.

Andrés Segovia, um dos maiores guitarristas da época, sentia dificuldades em encontrar cordas à altura da sua técnica e exigência artística. Um conhecido em comum apresentou

Segovia a Albert, que estava a usar uma linha de pesca feita de um novo material sintético desenvolvido pela empresa DuPont, para encordoar as suas guitarras. Esse novo material era o nylon.

A DuPont achou que o nylon não tinha potencial para o fabrico de cordas de guitarra, mas Albert e Andrés viram neste material um novo mundo de possibilidades.

Juntamente com Segovia, Albert desenvolvia e produzia as cordas de nylon na sua cave, desde as agudas às graves, compostas de um “fio” multifilamentar de nylon central que Albert enrolou em metal, como já se fazia com as cordas dos violinos desde o sec. XVII.

As cordas de Albert fizeram-se ouvir nos concertos de Segovia por todo o mundo, causando um fervor entre os guitarristas que necessitavam de suas próprias cordas duráveis, confiáveis e brilhantes.

Como podem ver, a escolha das cordas afectou não só o desempenho dos músicos mas também a História da música moderna.

10 razões para comprar uma guitarra de cordas de nylon

Jogo
de Cordas Savarez 500 CR para Guitarra Clássica Corum New Cristal Md Tensão

Jogo de Cordas Savarez 500 CR para Guitarra Clássica Corum New Cristal Md Tensão

Notas Finais

Escolher as cordas certas para a vossa guitarra pode fazer uma grande diferença no som e no conforto na execução. É preciso experimentar e investigar um bocado, mas rapidamente irão encontrar as cordas perfeitas para o vosso estilo musical. E, no fundo, a marca e o tipo são preferências pessoais de cada guitarrista.

No Salão Musical temos as cordas que precisam para que vossa música vibre e faça vibrar quem vos ouve. Façam-nos uma visita.

Foto de capa: 42 North / Unsplash
Deixar um comentário
Deixar comentário
Faça login para inserir um comentário
Salão Musical de Lisboa Loja de instrumentos musicais desde 1958

Salão Musical de Lisboa

Crie uma conta gratuita para guardar produtos favoritos.

Registar